domingo, agosto 14, 2005

...Amo-te



Amo-te

Amo-te tanto, meu amor...
O humano coração com mais verdade...
Amo-te como amigo e como amante
Numa sempre diversa realidade
Amo-te enfim, de um calmo amor presente,
E te amo além, presente na saudade.
Amo-te, enfim, com grande liberdade
Dentro da eternidade e cada instante
Amo-te como um bicho, simplesmente
De um amor sem mistério e sem virtude
Com um desejo maciço e permanente.
E de te amar assim muito
É que um dia em teu corpo de repente
Hei de morrer de amar mais do que pude.

(Vinicius de Morais)

A ti meu amor, que hoje fazes anos, ofereço este poema.

Um beijo. Daqueles.

7 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Pois... Mais uma vez aproveito este meio para te dar 1 gd beijinho de parabéns à Sandra.

Beijinhos Edite

8:56 da tarde, agosto 14, 2005   Edit
Blogger JN said...

Parabéns, rapariga!

1:42 da tarde, agosto 15, 2005   Edit
Blogger paopbocca said...

Beijinho e parabéns à Sandra.
Sejam felizes!!

4:45 da tarde, agosto 15, 2005   Edit
Blogger stillforty said...

Parabéns atrasados...à Sandra e a ti, vocês fazem um par de se tirar o chapéu.

Inté!!

4:47 da tarde, agosto 15, 2005   Edit
Blogger zm said...

Parabéns à Sandra.
ZM

9:25 da tarde, agosto 15, 2005   Edit
Blogger AnaBond said...

:)
que belo poema, que bela prenda.

apesar de ser tarde, espero que tenha sido um dia em grande...
parabéns atrasados a 'ela'.

9:57 da manhã, agosto 16, 2005   Edit
Blogger mc said...

Sei que o meu bjo de Parabéns foi entregue.
Quero só reforçar o meu desejo de que este próximo ano te/vos traga o sucesso, o entusiasmo, o conforto e o amor que partilham!
bjos da mc

2:40 da tarde, agosto 16, 2005   Edit

Enviar um comentário

<< Home