quarta-feira, fevereiro 15, 2006

Uma dúvida estranha que me assalta.



No tempo dos nossos pais tinhamos moradas colectivas:
-A morada da nossa casa era nossa e de todos os que lá moravam tais como irmãos, pais, avós, tios. Quando alguém nos enviava uma carta, ela era sempre respondida por nós ou reencaminhada para onde estavámos.

-Havia telefone da casa e não telemóveis de cada um. Quando alguém ligava, sabiam sempre onde estariamos e qual a hora provável de nos encontrarem em casa.Ou não.
Actualmente, já não tenho telefone fixo em casa.

Esta conversa toda é para vos dizer que estou com uma grande dúvida existencial:
-Se eu desligar o meu telemóvel e deixar de ver o mail, deixo de existir?
Ou a mesma questão, mas colocada de outra forma:
-Quando eu morrer, quem irá herdar os meus números? Será que alguém os quer? E para quê?

9 Comments:

Blogger Alma Minha said...

Se desligares o telemóvel e deixares de ver o mail, continuarás a viver...
Está descansado que se alguém te quizer ver, irá bater à tua porta...
Quanto aos teus números não sei, mas a "maresia" que nos deixas aqui ficará para sempre nas nossas vidas...

4:13 da tarde, fevereiro 15, 2006   Edit
Blogger Luisa said...

Se desligares o telemóvel e não fores à Internet, acho que desapareces mas só por uns tempos. As pessoas acabarão por encontrar-te aí, à beira-mar.
Quanto aos herdeiros dos teus meios tecnológicos, ninguém ficará com eles porque entretanto se tornaram obsoletos...

4:31 da tarde, fevereiro 15, 2006   Edit
Blogger trintapermanente said...

se te desligares com essa intensao sim. se não existiras para os outros somente quando quiseres. acho que nos tornamos escravos dos telemoveis e mails. se desligares o telem. e o mail, os outros é que pensarao que morreste :)

4:35 da tarde, fevereiro 15, 2006   Edit
Blogger Zeferino said...

Caro Azenhas

O http://faltapapel.blogspot.com

lançou-lhe um desafio....

1 Abraço

4:36 da tarde, fevereiro 15, 2006   Edit
Anonymous Anónimo said...

No Dia que te fores (Espero que daqui a muitos e longos Anos), não seras esquecido, se viveres com Amor e Amizade, infelizmente vais dar uma Grande Tristeza a quem te Ama e cá fica, mas é a Lei que a Vida nos Deu. Pensa que vais voltar a ver aqueles que Amas e que já foram substituidos os seus telefones, casas, carros, os seus pertences, não sentes a falta deles? Pensa que os irás reencontrar......

7:06 da tarde, fevereiro 15, 2006   Edit
Blogger As Musas said...

Olha lá, se te fores.... quem é que quer os teus números? Que dúvida maluca... ainda não deves de ter tomado os comprimidos amigo!
eh eh eh eh
Mas se não tiveres telelé nem net (como nas férias) passas a viver mas a pensar noutras coisas, a vida continua.

10:07 da tarde, fevereiro 15, 2006   Edit
Blogger daalgempaKu said...

eu se ficar sem télelé e sem NET, não sei como irei viver... Será que conseguiremos?

12:13 da manhã, fevereiro 16, 2006   Edit
Blogger mc said...

eheheh
ha algum tempo fiz um post semelhante... tinha acabado de perder os números que tinha gravados na memória do telemóvel e questionei-me sobre a existência e a não existência das pessoas cujo contacto tinha perdido.
Faz pensar!
beijos da mc

12:30 da tarde, fevereiro 16, 2006   Edit
Blogger The smokerman said...

Se desligares o telemóvel e deixares de ver e-mails, apenas te tornas 'ausente em parte incerta' (uma expressão que acho deliciosa). Quanto às heranças, isso é problema de quem fica, portanto não te preocupes...

7:26 da tarde, fevereiro 21, 2006   Edit

Enviar um comentário

<< Home